Aula 1, Tópico 3
Em andamento

Como a robótica pode auxiliar na produção de vacinas?

Aula Progress
0% Complete

Você sabia que a vacina é feita e grande quantidade e que para que isso ocorra de forma rápida e eficiente são utilizados robôs?
Durante muito tempo os robôs ficavam restritos as linhas de montagem, você deve ter visto aquelas famosas imagens de robôs construindo carros. Com o passar dos anos e com o desenvolvimento tecnológico eles passaram a ser utilizados em diversas áreas da linha de produção, como no transporte, organização de produtos e na inspeção de qualidade.

Os robôs aparecem no processo de fabricação da vacina, que é realizada em várias etapas. Uma vacina começa a ser feita dentro de um laboratório, onde os cientistas identificam qual é o organismo causador da doença e depois passam a estudar suas características: qual a sua forma, como ele age no organismo humano e como ele se espalha. 

Depois de compreender tudo isso é hora de formular uma vacina, ela passa por várias etapas de testes de forma que possa ser comprovada sua eficácia e que não gere efeitos colaterais a nossa saúde.

As vacinas ficam armazenadas em câmaras frias pois necessitam de uma temperatura muito especifica que são controladas por equipamentos. Depois elas são colocadas em pequenos frascos e lacradas, algumas precisam ser transformadas em pastilhas para melhor conservação por um liofilizador.

Na etapa final, as vacinas recebem um rótulo e antes de ser embaladas elas passam por um rígido controle de qualidade. E acredite, todo esse processo conta com o auxílio de robôs. Mas como são esses robôs? O que eles fazem? De onde vêm?